Portal NFL

Em Alta

Reviro - A Culinária de Resistência e Sustento da Fronteira

Reviro - A Culinária de Resistência e Sustento da Fronteira
Por Amilton Farias – Portal NFL
2001

OUVIR POSTAGEM

Reviro - A Culinária de Resistência e Sustento da Fronteira

De origem na Fronteira Brasil, Paraguay e Argentina, o Reviro  era considerado o pão ou cereal consumido pelos guaranis e pelas trabalhadoras e trabalhadores do campo.

Um verdadeiro manjar que dava sustento e vida a aqueles que na maioria das vezes sofria no campo sem condições e alguns a nível de escravidão nas fazendas da região missioneira da Argentina.

Muito parecido sua origem com a feijoada brasileira que era feita pelos escravos em meio as lavouras e roças.

Um prato simples de fazer, pois leva apenas farinha de trigo, água e gordura, cria-se uma massa que após ser revirada com a colher dentro da panela ou tacho na sua quase fritura, vira uma farofa granulada, com grandes grãos.

Geralmente doce ou salgado, embora o salgado é mais consumido por que abre várias formas de compartilhamento, feijão, carne ou ovos são os mais usados, alguns comem no cafe da manhã ou nas refeições principais, como se fosse o nosso cuscuz de milho.

Ouve-se várias versões da sua origem,

1- Adaptação de um prato espanhol da região da Galiza, chamado enfariñadas, faragullos ou migados.

2- Alguns dizem que é uma culinária de origem indígena guarani. Que são povos originários na fronteira.

3- Por ultimo conta-se a história da lenda da mãe enlutada. Esta é a história de uma mãe que, aflita por não ter nada para alimentar os filhos, chorou silenciosamente enquanto mexia a farinha em uma panela e suas lágrimas caíram trazendo umidade para a farinha e formando uma massa. Assim nasceu o reviro.

A verdade é que, existe a culinária Argentina, a culinária Brasileira, a culinária Paraguaia e a Culinária da Fronteira. A nossa Fronteira tem isso, a força de unir-nos em um só povo, respeitando suas diversidades culturais e ao mesmo tempo mesclando-nos em uma só.

Aqui na fronteira vamos aos mercados brasileiros em busca de chipa guazu, sopa paraguaya e chipa de almidón, a cada momento paramos nas esquinas em busca de comprar erva paraguaya para o nosso tererê.

Por morarmos na fronteira as vezes nos damos ao luxo de ir ao Paraguay comer bori bori, ou a Argentina comer locro, trazemos  vinhos, queijos, azeitonas, alfajor e outras iguarias argentinas.

Ao mesmo tempo, aqui no Brasil encontramos nos dias sábado, diversos argentinos e paraguayos enchendo nossos restaurantes na busca da nossa tradicional feijoada.

Por isso, essa confusão na origem do próprio reviro, a única certeza que tenho é que, mais que uma iguaria Argentina, o reviro é um verdadeiro manjar dos deuses da nossa fronteira.

 

Quer conhecer pontos pontos turísticos na America Latina ou em qualquer outro lugar no mundo? Visite nosso site. Compre sua passagem com preços especiais e tranquilidade,  nós recomendamos. hospedagem de qualidade, com todo conforto e com preço justo para qualquer lugar do mundo!  Queremos que conheça as melhores rotas para ir de onde você está para onde você quer chegar de carro,  bicicleta, a pé, avião ou em transporte turístico. Ligue para os lugares que você planeja ir em sua visita para confirmar se estão abertos. Hoje em dia a maioria das pessoas fazem seu seguro viagem para poder viajar com tranquilidade e segurança, e não perca a conexão, nem a oportunidade de enviar em tempo real suas fotos,  clique aqui e viaje conectado.

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Postagens

Memórias postas em xeque: muda de nome o Ginásio Costa Cavalcanti?
Rafael Clabonde
Rafael ClabondeColunista

Memórias postas em xeque: muda de nome o Ginásio Costa Cavalcanti?

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Raízes agroecológicas Paranaenses, e
Rafael Clabonde
Rafael ClabondeColunista

Raízes agroecológicas Paranaenses, e "AGORA É KID CHOCOLATE" que vem aí...

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Começa a Série
Rafael Clabonde
Rafael ClabondeColunista

Começa a Série "Agroecologia Paranaense", e hoje: ELAA, a Escola Latino Americana de Agroecologia

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Boa nova na fronteira fechada! Memórias Iguaçuenses: nasce mais uma Coluna aqui
Rafael Clabonde
Rafael ClabondeColunista

Boa nova na fronteira fechada! Memórias Iguaçuenses: nasce mais uma Coluna aqui

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Europa depois da primeira onda
Felipe Bombardelli
Felipe BombardelliColunista

Europa depois da primeira onda

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Sobre o dia 25 dia da mulher negra e latino americana
Vanessa Ramos
Vanessa RamosColunista

Sobre o dia 25 dia da mulher negra e latino americana

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
O agronegócio capitalista e epidemias
Marcelo Barbosa
Marcelo BarbosaColunista

O agronegócio capitalista e epidemias

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Relembrando Jair Messias Bolsonaro
Giovanni Antunes
Giovanni AntunesColunista

Relembrando Jair Messias Bolsonaro

Posts do Colunista Ver Esta Postagem