Portal NFL

Feliz 2020 - Do Retrocesso à Resistência

Feliz 2020 - Do Retrocesso à Resistência
Amilton Farias - Portal NFL
480

OUVIR POSTAGEM

Realmente não podemos negar que o Brasil mudou após a posse do novo presidente, o atual presidente deu um novo rumo à nação, um rumo de retrocesso e desgoverno nunca visto na história do Brasil e de países que cultivam a democracia.

Ele cumpriu, ou tentou cumprir com todas as promessas de campanha, salvo aquelas que foram para felicidade da nação impedidas pelo Supremo Tribunal Federal e pela oposição dentro do congresso.

Ele prometeu um novo Brasil, e o ano de 2019 foi de um Brasil novo, vimos acontecer coisas desastrosas em todos os setores da sociedade, mas o que mais me assustou foi ver o comportamento de parte da população, ainda que pequena, mas muito preocupante, que movidos por um sentimento de mudança sustentado por #caixa2 e #fakenews, assumiram para si o mesmo discurso de ódio, racismo, homofobia e defesa da volta da ditadura como nunca visto, todos sabiam da existência e saudosismo daqueles que adoram apreciar ditadores assassinos, mas com apoio do governo federal eles saíram do armário e se acharam no direito de colocar suas suásticas no braço e desfilar dentro de shoppings.

Em campanha ele prometeu retirar as terras dos índios, abrindo espaço para grileiros, garimpeiros e assassinos colocarem fogo na Amazonas, invadir as terras e assassinarem indígenas e lideranças ligadas à agricultura familiar, segundo a Pastoral da Terra em 11 anos nunca houve tantos assassinatos como em 2019.  A resposta do atual presidente com relação á isso foi maldosa e descarada culpando: “os índios de colocaram fogo na Amazonas”.

Em 2019, vimos a reforma da previdência ser aprovada, com apoio de mega empresários caloteiros, que devem milhões aos cofres públicos, donos de emissoras de tv e políticos corruptos que fazem base do governo, vimos se unirem com todas as suas forças para convencer parte da população de que era a melhor opção para fazer o Brasil sair da “crise”, com isso cumpriu ao pé da risca a promessa de retirada de direitos de trabalhadoras e trabalhadores.

Por diversas vezes ele disse que a venda da Amazônia estaria na lista de prioridades do seu governo, e nada fez quando seus apoiadores colocaram fogo na Amazônia, ou quando nossas praias ficaram cheias de óleo, e junto com seu ministro destruidor do meio ambiente permitiu que vários acordos de preservação existentes fossem desfeitos, dessa vez além de culpar os índios, ele também culpou Ongs e Institutos de Preservação. 

Em 2019, chegamos ao ponto de ouvir uma ministra religiosamente estúpida dizer que gênero se classifica pela cor da roupa e declarar que: gostaria de estar em casa, toda tarde numa rede, se balançando e ver seu marido ralando muito, muito, muito para sustentá-la e enchê-la de joias e presentes. e que esse seria o padrão ideal da sociedade, também disse que: havia chegado a hora, e que é o momento de a Igreja ocupar a nação. É o momento de a igreja dizer à nação a que viemos. É o momento de a igreja governar, além de falsificar seu currículo. Declarações essas que vão totalmente contrária a laicidade do estado e a civilidade social.

Assistimos na contramão do mundo, a liberação de agrotóxicos, mesmo quando os cientistas de todo o mundo condenando os mesmos agrotóxicos e alertando sobre a quantidade de doenças que eles produzem na humanidade, tudo pelo lucro de alguns, em cima de todo o sofrimento do resto da população

Esse mesmo governo eleito com discurso da moralidade e contra a corrupção, eleito usando #caixa2 e #fakenews para esconder a corrupção e as #rachadinhas que por anos mantiveram sua base e sua família, aumentando o seu patrimônio e de seus filhos em milhões.

Mas em meio a todo esse retrocesso de retirada de recursos da educação e saúde, da retirada de direitos das trabalhadoras e trabalhadores, o favorecimento aos bancos e empresários do agronegócio, perdoando suas dívidas, não nos fez e nem nos fará calar.

Em meio a tudo isso conseguimos ver resistência e somente a resistência popular e a consciência da realidade será capaz de barrar o retrocesso e a loucura desse governo lunático com interesses de lucro, sem nenhuma compreensão de sociedade e humanidade. 

Em 2020 desejo Resistência, porque Resistir é Preciso!

Resistência às leis e decretos governamentais geradoras de violência, leis criadas por uma minoria bárbara, que se apoderando da força bruta as criam para satisfazerem sua ganância e crueldade e para isso são capazes de qualquer coisa.

Resistência à escravidão moderna, é importante dizer que o capital criou um novo modelo de escravos, escravos diferentes dos que são caçados, transportados e leiloados através de complexas e problemáticas redes comerciais de corpos humanos. Escravos que diariamente formam filas e implorando por uma oportunidade de trocar suas vidas por um salário de miséria, o capital alcançou um tal nível de sofisticação e crueldade que a maioria das pessoas no mundo tem de competir para serem exploradas, prostituídas ou escravizadas.

Resistência à opressão sistêmica e lutar pela liberdade, como disse Victor Hugo: “Liberdade! Salve a Liberdade e a Liberdade salvará tudo mais!” E eu afirmo que: "A sensação de liberdade gera amor a si, ao outro e ao planeta". 

Resistência ao trafico humano, de órgãos, ao trafico de animais, resistir á propaganda e a ilusão do sonho americano, resistência à tendência da destruição social, e juntos construir uma sociedade justa, sustentável e fraterna.

Resistência ao aprisionamento das trabalhadoras e dos trabalhadores, ao trabalho forçado sem direito algum, é necessário entender que um projeto econômico sério tem que contemplar todos os setores da sociedade começando pelas trabalhadoras e trabalhadores e para isso é necessário quebrar as correntes de opressão do capital, é necessário exigir direitos e impedir que a produção continuem sendo tomadas por parasitas exploradores que só pensam no lucro e no enriquecimento pessoal.

Resistência à opressão religiosa e ao fundamentalismo que tem feito de seus adeptos cordeiros guiados ao matadouro, sem consciência social, nada dizem e nada esperam, e por fim se sujeitam as pregações sem Deus de seus líderes, que não passam de verdadeiros açougueiros que só querem tirar e negociar suas lã, matadores de sonhos e esperança.

Resistência ao ódio, racismo, homofobia, xenofobia e ao fascismo que como disse Brecht vive no cio, resistência aos discursos e praticas que estão sendo fortalecidos por esse governo. Desejo que laços de solidariedade e compreensão invada nossos corações para receber os refugiados e imigrantes.

Que o desejo da resistência produza força e esperança, e encha a cada um de nós de amor, solidariedade, fraternidade e justiça social. 

Que o desejo da resistência esteja em cada coração e em cada lar em 2020. Porque Resistir é Preciso!

Feliz 2020, Ano da Resistência!

 

Quer conhecer pontos pontos turísticos na America Latina ou em qualquer outro lugar no mundo? Visite nosso site. Compre sua passagem com preços especiais e tranquilidade,  nós recomendamos. hospedagem de qualidade, com todo conforto e com preço justo para qualquer lugar do mundo!  Queremos que conheça as melhores rotas para ir de onde você está para onde você quer chegar de carro,  bicicleta, a pé, avião ou em transporte turístico. Ligue para os lugares que você planeja ir em sua visita para confirmar se estão abertos. Hoje em dia a maioria das pessoas fazem seu seguro viagem para poder viajar com tranquilidade e segurança, e não perca a conexão, nem a oportunidade de enviar em tempo real suas fotos,  clique aqui e viaje conectado.

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Postagens

O agronegócio capitalista e epidemias
Marcelo Barbosa
Marcelo BarbosaColunista

O agronegócio capitalista e epidemias

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Relembrando Jair Messias Bolsonaro
Giovanni Antunes
Giovanni AntunesColunista

Relembrando Jair Messias Bolsonaro

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Quando o perigo bate a porta
Thiago Barros
Thiago BarrosColunista

Quando o perigo bate a porta

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
É Natal
Amilton Farias
Amilton FariasColunista

É Natal

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Hoje sai a votar
Amilton Farias
Amilton FariasColunista

Hoje sai a votar

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Reviro - A Culinária de Resistência e Sustento da Fronteira
Amilton Farias
Amilton FariasColunista

Reviro - A Culinária de Resistência e Sustento da Fronteira

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Vila Paraguaya - Vila de Resistência
Amilton Farias
Amilton FariasColunista

Vila Paraguaya - Vila de Resistência

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Que venha 2019 !
Amilton Farias
Amilton FariasColunista

Que venha 2019 !

Posts do Colunista Ver Esta Postagem