Portal NFL

Veja como seria seu MSN hoje em dia

O ritmo acelerado das mudanças no mundo da internet faz com que alguns sites e programas deixem saudades.
Veja como seria seu MSN hoje em dia
390

Veja como seria seu MSN hoje em dia

 O ritmo acelerado das mudanças no mundo da internet faz com que alguns sites e programas deixem saudades. O ICQ e o Orkut, por exemplo, são frutos de uma era passada. Felizmente, há algumas maneiras de reviver essas experiências.

O aplicativo para Facebook “Seu MSN nos dias de hoje“, por exemplo, permite simular como seria o seu cliente de mensagens instantâneas da Microsoft hoje em dia (se ele não tivesse sido encerrado em março de 2013). O aplicativo coleta dados do usuário com base na conta do Facebook.

Usando as informações da rede social, ele gera uma imagem de uma conversa com alguém de sua lista de amigos, algumas notificações de pessoas que “acabaram de entrar”, e inclui o detalhe (preciso) do plano de fundo padrão do Windows XP.

Outro site “morto” que pode ser “revivido” pelos usuários é o Orkut. Além de um aplicativo semelhante para Facebook, há também o Orkuti, uma rede social que relembra aquela a primeira rede social a se popularizar no Brasil. Será que algum dia haverá algo semelhante para sites e serviços como o Facebook e o Skype?

Clique aqui e conheça a América Latina: 

Cataratas do Iguaçu do Brasil e da Argentina

Conheça o Chile e passe por experiência únicas

Tango, Carne e belezas naturais, a fascinante Argentina

São Paulo um dos maiores centros culturais do mundo!

Uruguay de Punta del Este a Montevidéu um país livre para todos!

OUVIR NOTÍCIA

 O ritmo acelerado das mudanças no mundo da internet faz com que alguns sites e programas deixem saudades. O ICQ e o Orkut, por exemplo, são frutos de uma era passada. Felizmente, há algumas maneiras de reviver essas experiências.

O aplicativo para Facebook “Seu MSN nos dias de hoje“, por exemplo, permite simular como seria o seu cliente de mensagens instantâneas da Microsoft hoje em dia (se ele não tivesse sido encerrado em março de 2013). O aplicativo coleta dados do usuário com base na conta do Facebook.

Usando as informações da rede social, ele gera uma imagem de uma conversa com alguém de sua lista de amigos, algumas notificações de pessoas que “acabaram de entrar”, e inclui o detalhe (preciso) do plano de fundo padrão do Windows XP.

Outro site “morto” que pode ser “revivido” pelos usuários é o Orkut. Além de um aplicativo semelhante para Facebook, há também o Orkuti, uma rede social que relembra aquela a primeira rede social a se popularizar no Brasil. Será que algum dia haverá algo semelhante para sites e serviços como o Facebook e o Skype?

Clique aqui e conheça a América Latina: 

Cataratas do Iguaçu do Brasil e da Argentina

Conheça o Chile e passe por experiência únicas

Tango, Carne e belezas naturais, a fascinante Argentina

São Paulo um dos maiores centros culturais do mundo!

Uruguay de Punta del Este a Montevidéu um país livre para todos!

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Entretenimento
A busca do tema gerador na práxis da Educação Popular
A busca do tema gerador na práxis da Educação Popular
VISUALIZAR
Sociedade
Volkswagen quer “massificar” carros elétricos com o compacto ID.3
Volkswagen quer “massificar” carros elétricos com o compacto ID.3
VISUALIZAR
Sociedade
Carta de mil padres com críticas a Bolsonaro esquenta racha político na Igreja
Carta de mil padres com críticas a Bolsonaro esquenta racha político na Igreja
VISUALIZAR
Sociedade
Ex-Lava Jato pode responder na Justiça por suposto uso de laranja na contratação de outdoor
Ex-Lava Jato pode responder na Justiça por suposto uso de laranja na contratação de outdoor
VISUALIZAR
Sociedade
Jornalista recebe desculpas de Bolsonaro, mas diz que manterá ação judicial
Jornalista recebe desculpas de Bolsonaro, mas diz que manterá ação judicial
VISUALIZAR
Entrevistas
Milton Nascimento sobre o governo Bolsonaro: “Bicho, que pesadelo é esse? É uma tragédia...
Milton Nascimento sobre o governo Bolsonaro: “Bicho, que pesadelo é esse? É uma tragédia sem parâmetro”
VISUALIZAR