Portal Fronteira Livre

Segunda, 06 de dezembro de 2021
MENU

Política

Ministério Público pede afastamento de Bolsonaro do comando sobre a saúde, a economia e a Casa Civil

Diante da incompetência explícita de Jair Bolsonaro, o MP pede que ele seja substituído pelo vice, numa espécie de impeachment informal

2106
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Diante da incompetência explícita de Jair Bolsonaro, o MP pede que ele seja substituído pelo vice Hamilton Mourao, numa espécie de impeachment informal

O subprocurador-geral do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União, Lucas Furtado, pediu nesta sexta-feira (19) que o TCU decrete o afastamento de Jair Bolsonaro das funções administrativas sobre os ministérios da Saúde, da Economia e da Casa Civil.

Segundo o G1, Furtado também quer que o TCU reconheça "a legitimidade, a competência administrativa e a autoridade" do vice-presidente Hamilton Mourão para nomear as autoridades responsáveis pelos ministérios. Se acatada pelo TCU, a medida resulta, na prática, na substituição da presidência. 

No pedido para que o TCU afaste Bolsonaro parcialmente do cargo, o subprocurador-geral Lucas Furtado justifica argumenta que é necessário adotar medidas que induzam a um "nível mínimo de eficácia" a atuação dos órgãos federais responsáveis pelos serviços de atendimento à saúde. 

 

Clique na imagem e seja um consultor na sua cidade!

 

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!