A nova era da informação!

Falsa solução

Dizem que punir e prender menores infratores vai ajudar a diminuir a violência. Também falam que não há punições para menores
Falsa solução
62

Falsa solução

Luiz Castro é deputado estadual no Amazonas
Dizem que punir e prender menores infratores vai ajudar a diminuir a violência. Também falam que não há punições para menores que cometem delitos.

Penso que são afirmações enganosas. Induzem muitas pessoas a defender que menores de 16 e 17 anos sejam punidos da mesma forma que bandidos maiores de idade.

Colocar jovens delinquentes em presídios não vai diminuir a criminalidade. As penitenciárias brasileiras estão superlotadas e sem dignidade para os presos. Não há espaço para separar os jovens dos criminosos mais velhos. Assim, os “xerifes” do tráfico de drogas vão aumentar seu “exército” de criminosos.

Afirmar que não há punições para menores infratores é falacioso. O Estatuto da Criança e do Adolescente prevê penas de até 3 anos de internação para crimes graves, tempo que pode ser ampliado pela avaliação de profissionais e do Ministério Público. Alguns defendem que as penas socioeducativas sejam ampliadas. Apesar de achar válida essa discussão, entendo que o fundamental é evitar a impunidade e melhorar o sistema socioeducativo para os menores infratores.

Países como a Alemanha entendem que os jovens têm uma possibilidade biológica e psicológica maior de serem recuperados para o convívio social do que os criminosos adultos. Por isso distinguem as penas dos adolescentes das punições dos adultos. E o resultado é positivo: menores índices de criminalidade.

Para diminuir a violência é necessária uma boa educação em tempo integral para as crianças e adolescentes. Esse é o melhor caminho para evitar que os jovens se percam no mundo do crime. Reduzir a maioridade penal não é solução.

Clique aqui e conheça a América Latina: 

Cataratas do Iguaçu do Brasil e da Argentina

Conheça o Chile e passe por experiência únicas

Tango, Carne e belezas naturais, a fascinante Argentina

São Paulo um dos maiores centros culturais do mundo!

Uruguay de Punta del Este a Montevidéu um país livre para todos!

OUVIR NOTÍCIA

Dizem que punir e prender menores infratores vai ajudar a diminuir a violência. Também falam que não há punições para menores que cometem delitos.

Penso que são afirmações enganosas. Induzem muitas pessoas a defender que menores de 16 e 17 anos sejam punidos da mesma forma que bandidos maiores de idade.

Colocar jovens delinquentes em presídios não vai diminuir a criminalidade. As penitenciárias brasileiras estão superlotadas e sem dignidade para os presos. Não há espaço para separar os jovens dos criminosos mais velhos. Assim, os “xerifes” do tráfico de drogas vão aumentar seu “exército” de criminosos.

Afirmar que não há punições para menores infratores é falacioso. O Estatuto da Criança e do Adolescente prevê penas de até 3 anos de internação para crimes graves, tempo que pode ser ampliado pela avaliação de profissionais e do Ministério Público. Alguns defendem que as penas socioeducativas sejam ampliadas. Apesar de achar válida essa discussão, entendo que o fundamental é evitar a impunidade e melhorar o sistema socioeducativo para os menores infratores.

Países como a Alemanha entendem que os jovens têm uma possibilidade biológica e psicológica maior de serem recuperados para o convívio social do que os criminosos adultos. Por isso distinguem as penas dos adolescentes das punições dos adultos. E o resultado é positivo: menores índices de criminalidade.

Para diminuir a violência é necessária uma boa educação em tempo integral para as crianças e adolescentes. Esse é o melhor caminho para evitar que os jovens se percam no mundo do crime. Reduzir a maioridade penal não é solução.

Clique aqui e conheça a América Latina: 

Cataratas do Iguaçu do Brasil e da Argentina

Conheça o Chile e passe por experiência únicas

Tango, Carne e belezas naturais, a fascinante Argentina

São Paulo um dos maiores centros culturais do mundo!

Uruguay de Punta del Este a Montevidéu um país livre para todos!

Fonte

Luiz Castro é deputado estadual no Amazonas

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Agenda de Eventos
Corleone Rock ? Zeppelin
Corleone Rock ? Zeppelin
VISUALIZAR
Agenda de Eventos
Quinta Nacional | Teleféricu's no Zeppelin
Quinta Nacional | Teleféricu's no Zeppelin
VISUALIZAR
Agenda de Eventos
Limpeza da cabeceira do rio Jupira
Limpeza da cabeceira do rio Jupira
VISUALIZAR
Agenda de Eventos
11° Luau Secret Falls
11° Luau Secret Falls
VISUALIZAR
Educação
Cresce o número de professores que pedem demissão da USP
Cresce o número de professores que pedem demissão da USP
VISUALIZAR
Educação
Sair da negação e defender a escola pública
Sair da negação e defender a escola pública
VISUALIZAR