A nova era da informação!

Em Alta

CCJ aprova PEC que diminui idade para aposentadoria de extrativistas

O projeto é de autoria da ex-senadora Marina Silva e já havia sido aprovada no Senado.
CCJ aprova PEC que diminui idade para aposentadoria de extrativistas
22

CCJ aprova PEC que diminui idade para aposentadoria de extrativistas

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados aprovou a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 320/08, que inclui os trabalhadores do setor de extrativismo vegetal entre os ramos de atividade beneficiados com a redução da idade-limite para a aposentadoria. A proposta prevê essa diminuição para cinco anos. O projeto é de autoria da ex-senadora Marina Silva e já havia sido aprovada no Senado.

A decisão da CCJ foi favorável à admissibilidade da PEC. Na prática, isso significa que a proposta é constitucional. Com a aprovação, a Câmara deverá agora criar uma comissão especial responsável para avaliar esse tema na Casa.

Segundo a PEC, os extrativistas vegetais terão direito de se aposentar aos 60 anos, no caso dos homens e 55 anos para as mulheres dessa área. Hoje, a Constituição Federal estabelece que os trabalhadores rurais da economia familiar já contam com esse direito. Assim, esses profissionais serão incorporados a uma lista que já tem os produtores rurais, garimpeiros e pescadores artesanais incluídos nesse benefício.

Já os empregados de demais setores só podem se aposentar com uma idade-mínima de 65 anos no caso dos homens e 60 anos para as mulheres. Caso o trabalhador não tenha alcançado esse patamar, já pode se aposentar depois de 35 e 30 anos de contribuição para a Previdência Social, respectivamente. No entanto, o valor do benefício sofre uma queda se o beneficiário estiver abaixo dessa faixa de etária estabelecida.

Fora dos trabalhadores rurais, a Constituição também já previa uma redução de cinco anos nesse tempo mínimo de contribuição para os professores que comprovarem o efetivo exercício das funções de magistério durante todo o período de trabalho. O benefício é válido para os educadores do ensino infantil, fundamental e médio.

OUVIR NOTÍCIA

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados aprovou a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 320/08, que inclui os trabalhadores do setor de extrativismo vegetal entre os ramos de atividade beneficiados com a redução da idade-limite para a aposentadoria. A proposta prevê essa diminuição para cinco anos. O projeto é de autoria da ex-senadora Marina Silva e já havia sido aprovada no Senado.

A decisão da CCJ foi favorável à admissibilidade da PEC. Na prática, isso significa que a proposta é constitucional. Com a aprovação, a Câmara deverá agora criar uma comissão especial responsável para avaliar esse tema na Casa.

Segundo a PEC, os extrativistas vegetais terão direito de se aposentar aos 60 anos, no caso dos homens e 55 anos para as mulheres dessa área. Hoje, a Constituição Federal estabelece que os trabalhadores rurais da economia familiar já contam com esse direito. Assim, esses profissionais serão incorporados a uma lista que já tem os produtores rurais, garimpeiros e pescadores artesanais incluídos nesse benefício.

Já os empregados de demais setores só podem se aposentar com uma idade-mínima de 65 anos no caso dos homens e 60 anos para as mulheres. Caso o trabalhador não tenha alcançado esse patamar, já pode se aposentar depois de 35 e 30 anos de contribuição para a Previdência Social, respectivamente. No entanto, o valor do benefício sofre uma queda se o beneficiário estiver abaixo dessa faixa de etária estabelecida.

Fora dos trabalhadores rurais, a Constituição também já previa uma redução de cinco anos nesse tempo mínimo de contribuição para os professores que comprovarem o efetivo exercício das funções de magistério durante todo o período de trabalho. O benefício é válido para os educadores do ensino infantil, fundamental e médio.

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Rolê na Fronteira
Feira Livre de Trocas da Tríplice Fronteira acontece no domingo, dia 10 de novembro em Foz do...
Feira Livre de Trocas da Tríplice Fronteira acontece no domingo, dia 10 de novembro em Foz do Iguaçu
VISUALIZAR
Sociedade
Em 6 meses, 35 mil mulheres foram vítimas de violência doméstica
Em 6 meses, 35 mil mulheres foram vítimas de violência doméstica
VISUALIZAR
Sociedade
MPPR propõe denúncia por crimes na gestão do transporte em Foz do Iguaçu
MPPR propõe denúncia por crimes na gestão do transporte em Foz do Iguaçu
VISUALIZAR
América Latina
Argentina: Fernández e Kirchner vencem Macri em retomada da esquerda
Argentina: Fernández e Kirchner vencem Macri em retomada da esquerda
VISUALIZAR
América Latina
Bogotá elege Claudia López prefeita, primeira mulher a comandar a capital da Colômbia
Bogotá elege Claudia López prefeita, primeira mulher a comandar a capital da Colômbia
VISUALIZAR
Agenda de Eventos
2ª Marcha da Diversidade e do Orgulho LGBTTQIAP+ da Tríplice Fronteira
2ª  Marcha da Diversidade e do Orgulho LGBTTQIAP+ da Tríplice Fronteira
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )